Home
Shop
Favoritos0

Estudo de caso Inovação Social na Indústria Têxtil

Comparar
Status Disponível por encomenda

Estudo de caso Inovação Social na Indústria Têxtil

PROJETO INTEGRADO I – GESTÃO

Gestão – CST´s

Objetivos da Aprendizagem:

O Projeto Integrado é um procedimento metodológico de ensino aprendizagem que tem por objetivos:

• Instigar os alunos, apoiados nas informações presentes na BNCC sobre a área da linguagem como ferramenta norteadora, para o planejamento de atividades diferenciadas.
• Relacionar teoria e prática, a fim de proporcionar embasamento para atuação em atividades extracurriculares.
• Desenvolver os estudos independentes, sistemáticos e o autoaprendizado.
• Favorecer a aprendizagem.
• Promover a aplicação da teoria e conceitos para a solução de problemas práticos relativos à profissão.

NORMAS PARA ELABORAÇÃO E ENTREGA DA PRODUÇÃO TEXTUAL

1. O trabalho será realizado individualmente.
2. Importante: Você deverá postar o trabalho finalizado no AVA, o que deverá ser feito na pasta específica (“atividades interdisciplinares”), obedecendo ao prazo limite de postagem, conforme disposto no AVA. Não existe prorrogação para a postagem da atividade.
3. Deve conter, depois de pronto, capa e folha de rosto padrão da Instituição, sendo organizado no que tange à sua apresentação visual (tipos e  tamanhos de fontes, alinhamento do texto, espaçamentos, adentramento de parágrafos, apresentação correta de citações e referências, entre  outros elementos importantes), conforme modelo disponível no AVA.
4. A produção textual é um trabalho original e, portanto, não poderá haver trabalhos idênticos aos de outros alunos ou com reprodução de materiais extraídos da internet. Os trabalhos plagiados serão invalidados, sendo os alunos reprovados na atividade. Lembre-se de que a prática do  plágio constitui crime, com pena prevista em lei (Lei n.º 9.610), e deve ser evitada no âmbito acadêmico.
5. Importante: O trabalho deve ser enviado em formato Word. Não serão aceitos, sob nenhuma hipótese, trabalhos enviados em PDF.

A seguir, apresentamos a você alguns dos critérios avaliativos que nortearão a análise do Tutor a Distância para atribuir o conceito à produção textual:

• Normalização correta do trabalho, com atendimento ao número de páginas solicitadas.
• Apresentação de estrutura condizente com a proposta apresentada (com introdução, desenvolvimento e conclusão).
• Uso de linguagem acadêmica adequada, com clareza e correção, atendendo à norma padrão.
• Atendimento à proposta, contemplando todos os itens solicitados, com objetividade, criatividade, originalidade e autenticidade.
• Fundamentação teórica do trabalho, com as devidas referências dos autores eventualmente citados.
Lembre-se de que seu Tutor a Distância está à disposição para lhe atender em suas dúvidas e, também, para repassar orientações sempre que você  precisar. Aproveite esta oportunidade para realizar um trabalho com a qualidade acadêmica de nível universitário.

Bom trabalho!

Equipe de professores

Leitura proposta

Para atingir os objetivos deste projeto integrado, você deverá seguir as instruções voltadas à elaboração do trabalho disponibilizadas ao longo do  semestre, sob a orientação do Tutor a Distância.

SITUAÇÃO PROPOSTA

Estudo de Caso: “Inovação Social na Indústria Têxtil” A Têxtil Verde, uma indústria de vestuário estabelecida em uma cidade de médio porte, enfrenta o desafio de reinventar sua abordagem empresarial para crescer em um mercado altamente competitivo. Ao realizar uma consultoria,  verificou-se uma grande oportunidade em um nicho de mercado que busca produtos mais sustentáveis, impulsionada pelo aumento de consumidores cada vez mais conscientes e exigentes. Os diretores da empresa viram essa ideia muito oportuna e condizente com seus valores, uma vez que já haviam empreendido um projeto anterior focado em desenvolver uma cadeia de suprimentos ética e sustentável, reduzindo o impacto  ambiental e promovendo condições de trabalho que gere respeito e satisfação no ambiente de trabalho.
O novo projeto envolve a criação de parcerias estratégicas com fazendas de algodão orgânico, a implementação de práticas de produção  ecoeficientes e a capacitação de comunidades locais em regiões de produção. A gestão de projetos torna-se crucial para coordenar as diferentes  fases, desde o design sustentável até a comercialização dos produtos. O empreendedorismo da Têxtil Verde é evidente na abordagem inovadora  para conquistar mercados que valorizam a produção ética. Além disso, a empresa compromete-se com a transparência, educando os consumidores  sobre a procedência sustentável de seus produtos. Em seu novo projeto, a Têxtil Verde não apenas busca transformar  operacionalmente a empresa, mas também construir uma marca consciente que ressoe com as expectativas do consumidor moderno, reforçando  os benefícios tangíveis das práticas empresariais socialmente responsáveis e sustentáveis.

ATIVIDADE 1

Estudante, desenvolva um plano estratégico para a implementação bem-sucedida do novo projeto da Têxtil Verde, focado na criação de uma marca  consciente e sustentável, seguindo os seguintes passos:

Passo 1: Análise de Oportunidades e Desafios

Realize uma análise SWOT (Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças) para identificar os elementos internos e externos que podem afetar o  sucesso do projeto da Têxtil Verde (a SWOT pode ser realizada com o formato de quadrantes ou em texto corrido).

Passo 2: Desenvolvimento da Marca

Crie uma proposta de valor para a Têxtil Verde, destacando os principais elementos que diferenciarão a marca no mercado. Considere como a  empresa pode comunicar de forma eficaz seus valores e práticas sustentáveis aos consumidores.

Passo 3: Estratégias de Marketing

Elabore estratégias de marketing para posicionar a Têxtil Verde como líder no segmento de moda sustentável. Inclua abordagens online e offline,  considerando a conscientização do consumidor sobre a importância de escolhas éticas.

REFERÊNCIAS PARA ATIVIDADE:

KURATKO, Donald F. Empreendedorismo: processo, prática. São Paulo: Cengage Learning Brasil, 2018.

ATIVIDADE 2

A situação complexa pela qual a fábrica em questão está passando requer a elaboração de soluções efetivas no que tange às diferentes áreas da organização que serão impactadas em prol de tais mudanças.

Pensar e instrumentalizar soluções de problemas

– que aqui, no caso, é uma  oportunidade

– não é tarefa fácil e envolve uma série de processos e práticas muito bem planejadas, visto que os recursos

– financeiros e de tempo – para prover tais soluções são limitados!

Neste sentido, uma estratégia importante e bastante útil neste contexto, a fim de viabilizar a implementação de soluções diz respeito ao gerenciamento de um projeto!

Você, enquanto líder do projeto, tem como primeiro passo determinar um objetivo em específico e destrinchá-lo em objetivos menores – visto que  a própria apresentação do contexto da empresa já nos deu vários insights sobre essa entrega macro, e essas possíveis tais sub entregas. Tendo definido então um objetivo, sua missão nesta etapa consiste em:
a) Elaborar uma Estrutura Analítica do Projeto (EAP). Em outras palavras: através da EAP, você fará a espinha dorsal do seu projeto, pensando  que tal ferramenta será utilizada para discutir com os gestores da empresa os possíveis encaminhamentos como, por exemplo, recursos disponíveis para operacionalização.
A EAP é a decomposição do trabalho necessário para a realização de um projeto em pacotes de trabalhos menores, organizados de cima para baixo, hierarquicamente, não necessariamente na ordem exata, mas na melhor possível.

Figura 1 – Exemplo da estrutura.

Fonte: Elaborado pelos autores.

Na figura, o primeiro nível diz respeito ao objetivo do projeto. O segundo nível diz respeito às atividades necessárias para alcançar o objetivo geral.  O terceiro nível, diz respeito às atividades necessárias para alcançar o objetivo específico do nível anterior, e assim por diante. Sua EAP deve  conter pelo menos três níveis.
b) Tendo elaborado a EAP, dê continuidade a sua espinha dorsal, agora trazendo os fundamentos da administração: associando às funções  Administrativas de Planejar; Organizar; Executar; e, Controlar. Vamos pensar que a EAP ilustrou os elementos pensados na fase de planejamento… Agora, sua missão consiste em mapear alguns dos principais recursos necessários a serem organizados para viabilizar a execução;  um check list de tarefas a serem executadas associadas aos níveis da EAP, bem como possíveis indicadores de controle para garantir atendimento  ao objetivo.

REFERÊNCIAS PARA ATIVIDADE:

CAMARGO, Marta. Gerenciamento de Projetos. São Paulo: Grupo GEN, 2018. (Minha Biblioteca).
CHIAVENATO, Idalberto. Administração nos Novos Tempos – Os Novos Horizontes em Administração. São Paulo: Grupo GEN, 2020.
WYSOCKI, Robert K.; MARQUES, Arlete S. Gestão eficaz de projetos (vol 2). São Paulo: Saraiva, 2020. (Minha Biblioteca). Institute, Project M.  Um guia de conhecimento em gerenciamento de projetos (guia PMBOK®). Disponível em: Minha Biblioteca, (5th edição). Editora Saraiva, 2014).

ATIVIDADE 3

Todo processo de mudança gera desafios, esse cenário é enfrentado atualmente por essa industrial têxtil. Pensando em facilitar esse processo é  importante analisar os contextos no âmbito social, ambiental e até de governança. Diante disso, a implantação do ESG pode trazer diversos benefícios para empresa. Agora, você deverá avançar na discussão dessa importante e atual temática, visando auxiliar, propor melhorias ou  mitigar ações em empresa e corporações da área da saúde, unidades de saúde particulares e públicas, entre outros. E para isso análise e discorra  sobre os tópicos abordados abaixo:

1. Defina o que é o ESG e sua importância para o segmento empresarial e de gestão da área da saúde?
2. Crie um plano de ação para cada pilar do ESG (governança, social e o ambiental) em algum seguimento da área da saúde (clínicas, hospital,  entre outros):
3. Destaque quais as vantagens da implantação do ESG para empresas da área da saúde?

REFERÊNCIAS PARA ATIVIDADE

PEREIRA, Adriana C; DA SILVA, Gibson Z; EHRHARDT, Maria E. Sustentabilidade, responsabilidade social e meio ambiente. Editora Saraiva,  São Paulo. 2011.
SOLER, Fabrício; PALERMO, Caroline. ESG (ambiental, social e governança): da teoria à prática. São Paulo: Expressa, 2023.

ATIVIDADE 4

Se, ao longo do processo de formação e desenvolvimento das sociedades, observamos a substituição gradual da atuação humana por máquinas, não seria exagerado afirmar que, atualmente, esse fenômeno está se acelerando e alcançando níveis anteriormente inimagináveis. Avanços  significativos nas áreas de robótica, automação e conectividade, por exemplo, estão ampliando as oportunidades para a aplicação da tecnologia na  execução de diversas tarefas exigidas nas sociedades modernas.
Ao mesmo tempo em que os avanços tecnológicos nos auxiliam a encontrar algumas respostas para problemas cotidianos que atingem a  humanidade, formulando maiores certezas, com maior agilidade, em temas antes duvidosos, temos de reconhecer também que as potencialidades oferecidas pelo desenvolvimento científico contemporâneo abrem novos campos de discussão envolvendo a ética. Assim, a ampliação das  atividades que conseguimos fazer eleva proporcionalmente os questionamentos sobre o que efetivamente devemos fazer. Pensando no estudo de  caso “Inovação Social na Indústria Têxtil”, considere que o novo projeto de transformação operacional da empresa, compatíveis com os desafios da  sociedade competitiva moderna, tem a possibilidade de adquirir e implementar maquinários avançados e o desenvolvimento de novos  quipamentos de inteligência artificial.

Diante disso, disserte a partir das seguintes perguntas:

• A performance elevada é critério suficiente para adotar a tecnologia para solucionar problemas de nossa realidade cotidiana?
• Existem outros princípios da ação humana que diferenciam nosso funcionamento da programação típica da tecnologia?
• De que modo as mudanças para a preservação ambiental se articulam com os princípios da cidadania?

REFERÊNCIAS PARA ATIVIDADE:

CONTI, Hugo Martarello de. ALVES, Patrícia Villen Meirelles. Sociedade Brasileira e Cidadania. Londrina: Editora e Distribuidora Educacional  S.A. 2019.
CORREIA, Carol. “Por uma tecnologia ética: Inovação traz questionamentos e desafios que mostram a importância das Ciências Humanas na  área”. In: Conexão UFRJ [online]. Publicado em 29 de abril de 2022. Disponível em: https://conexao.ufrj.br/2022/04/por-uma-tecnologia-etica/  Acesso: 29 nov. 2023.
FREIRE, Emerson. BATISTA, Sueli Soares Batista. Sociedade e tecnologia na era digital. 1ª ed. São Paulo: Editora Érica, 2014.
SANTOS JUNIOR, Nei Jairo Fonseca dos. “Notas sobre ética na sociedade tecnológica”. In: RELACult, V. 05, ed. especial, abr., 2019, artigo nº  1195. Disponível em: https://periodicos.claec.org/index.php/relacult/article/download/1195/707/4798 Acesso: 29 novembro de 2023.

Back to Top
Product has been added to your cart